Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sem Querer Quero

Anseio independência

11
Mai20

Eu tenho vivido uma montanha russa de emoções. De manhã quero é dormir e durante a tarde, a noite e a madrugada ando,aqui por casa, acordada. Sinto-me aliviada nos finais de tarde, durante a noite e nas madrugadas. A verdade é que tenho assuntos "pendentes" e que infelizmente não dão para resolver já - se dessem já lhes tinha posto um ponto final, enviado para outro planeta com um envelopezinho perfumado e sem possibilidade de extravio. Ida sem volta. Mas não dá. Então de manhã durmo, ao final da tarde volto e a ser "gente" mas...com um olho no telemóvel. Questiono-me: será que me ligaram? sim? não? o que será que queriam? porque é que não ligaram? aí, ainda bem que não o fizeram mas e quando me ligarem o que faço? 

E ando assim nesta ansiedade.

Grata por não ter covid, grata pelos meus estarem de saúde, com toda a certeza! Sabendo que só saúde e felicidade é que não se compram, também. Saúde tenho a suficiente para ir vivendo uma vidinha simples mas será que essa vidinha simples me traz felicidade? Honestamente, neste momento não a tem trazido. 

Anseio ser independente para me levantar quando quiser, ir à cozinha quando me apetecer e sem ter de pedir auxilio. Anseio poder pôr a mão à porta, sair, entrar no carro e andar andar andar por aí sem destino e sem hora de regresso. Anseio poder decidir aquilo que quero fazer e com quem sem depois me vir logo o diabinho dizer: "olha lá, isso é que te põe comida na mesa!". 

Grata por não ter covid, grata pelos meus estarem de saúde, com toda a certeza e mais do que nunca. Só que, apesar de não andar desde sempre e de ser dependente desde sempre...agora anseio independência física, emocional mais do que nunca!

 

Os anos passam mas não facilitam...

Não quero viver presa no meu corpo nem às expectativas que os outros possam ter sobre mim...

1 comentário

Comentar post